O fim do Verão

summer

Já há algum tempo que não parava por aqui. Isto de alimentar um blog nem sempre é tarefa fácil. O final do Verão tem sido atribulado. Por um lado, têm havido mais horas de trabalho, e depois de um dia passado ao computador a olhar para folhas de Excel nem sempre apetece chegar a casa e ligar o computador para ainda vir escrever.

Nos fins de semana a última coisa que apetece é ficar em casa, e temos andado a aproveitar os últimos cartuchos de bom tempo para passear na praia, jardins, esplanadas, tudo o que tenha sol e ar.

Mas isso não significa que as leituras tenham parado, antes pelo contrário. Houve bastante leitura, embora nem toda tenha valido a pena. Estou finalmente com algum tempo para me organizar, por isso nos próximos dias irei partilhar as coisas que andei a ler por aqui.

Entretanto fica um brinde ao fim do Verão, que na realidade só acaba quando eu quiser.

Anúncios

Leio por Aqui – Praça de Londres

Praca de Londres

Para aproveitar todos os raios de sol possíveis e desintoxicar duma semana de ar condicionado gosto de, sempre que possível, ler um bocadinho numa esplanada.

Fomos passear para a zona do Areeiro, e depois da dica que me deram no artigo sobre as pequenas bibliotecas resolvi investigar a Cabine de Leitura que sugeriram nos comentários. Como era meio da tarde dum sábado, estava fechada, mas deu para dar uma espreitadela aos títulos e variedade disponível, e gostei do que vi. Muitos títulos interessantes e mesmo livros de criança.

Entretanto aproveitámos para nos sentarmos no quiosque do Bananacafe a desfrutar do solinho bom. É um sitio muito sossegado, com música ambiente mas nada de exagerado e bastante dog friendly. Eu que o diga que estive a ler com uma cadela gigante sentada aos meus pés e a pedir-me uma festa ocasional. Aconselho, principalmente agora que dizem que o bom tempo finalmente começa para a semana.

Leio Por Aqui – Eucaliptal de Benfica

Leio Por Aqui_Eucaliptal

Quem vê o tempo hoje mal acredita que ainda sexta estava uma magnífica tarde para se estar sentada numa esplanada a ler. Mas na realidade estava um sol que convidava a passar uns momentos de calma e descontracção, mesmo no meio do bulício que é usualmente a minha Páscoa.

Felizmente tenho ao pé de casa um sítio que me permite passar uns momentos mesmo como gosto. Depois de ter estado muitos anos abandonado, o café do eucaliptal foi reactivado há já algum tempo e tem dinamizado uma zona onde por vezes faltam este tipo de equipamentos. Peca talvez por não ser muito barato, e por isso acabo por não ir lá mais vezes.

Mas é muito pacato, e os eucaliptos permitem-nos fazer esquecer que já ali ao lado passa uma estrada com imenso trânsito. Ainda é um segredo aqui do bairro, o nome Koala é o mais indicado a um eucaliptal. Como valor adicional, aderiram ao projecto de mini bibliotecas de Benfica (aqui), por isso quem não traz um livro consigo é só ir lá buscar, na garantia que depois o devolva num dos 10 espaços para o efeito.

Boas leituras.

Leio Por Aqui – Mata de Benfica

Leio por Aqui_Fofo

Hoje que estava um lindissimo dia de sol resolvemos aproveitar para ler ao ar livre. Felizmente não faltam opções em Lisboa para se estar ao sol, mas nem sempre é fácil encontrar a pacatez necessária a uma boa leitura. Não que eu necessite de silêncio absoluto, mas às vezes é dificil encontrar um nível adequado de paz que me permita concentrar e embrenhar na história que tenho em mãos.

Hoje fomos os dois depois de almoço até ao Parque Silva Porto, mais conhecido no bairro como Mata de Benfica. o Fofó tem lá uma esplanada sossegada e gerida por duas senhoras simpáticas e que devem ter achado a nossa dança de cadeiras em busca do sol um bocadinho bizarra.

É um daqueles segredos bem guardados, por um lado porque implica uma subida íngreme até lá, por outro porque tem escapado airosamente à maldição da Time Out. Apareçam.