Histórias de Poligamia

The First WifeNiketche

Parece-me difícil acreditar que de toda a literatura africana lusófona eu conheça os óbvios Mia Couto, Pepetela, Ondjake e pouco mais. É uma lacuna no meu conhecimento, que eu espero que seja apenas isso e não reflexo duma falta de aposta das nossas editoras em nomes menos conhecidos, mas nem por isso menos interessantes.

Portanto, assim que o Netgalley me apresentou uma escritora moçambicana, mesmo que traduzida para inglês, eu corri a agarrar a oportunidade. E ainda bem que o fiz, não fiquei desiludida. First Wife conta-nos a história duma mulher que luta para manter a familia unida, mesmo quando descobre que tem de partilhar o marido com quatro outras mulheres. Mas há muitas camadas entrelaçadas na história de Rami e suas rivais. Temos as diferenças culturais entre o norte e o sul de Moçambique, temos o legado colonial que ficou, temos a luta dum país para se afastar de tradições que considera antigas mas que estão enraízadas no dia a dia da população, temos a procura da modernidade.

oMas acima de tudo temos aquilo que nós mulheres europeias sabemos mas esquecemos tantas vezes, o relato ficcionado mas decerto não longe da realidade que é a luta desigual que muitas mulheres ainda passam no resto do mundo, a luta que é serem reconhecidas como dignas, como iguais, como seres de direito. Grande parte deste livro eu passei-o zangada, e muitas vezes tive de o fechar para recuperar o fôlego e recomeçar. Porque é também realidade que nós somos as nossas maiores rivais, porque ainda se educam os meninos de maneira diferente das meninas, porque ainda nos criticamos umas às outras de maneira aguerrida e mesquinha, porque o que vestimos é motivo de crítica, e se somos assertivas não estamos a ser femininas.

E para além de tudo, o livro estava lindamente escrito, envolvente, com algum humor à mistura. Recomendo vivamente, principalmente se o conseguirem encontrar em português. O título é “Niketche, uma história de poligamia“, e eu aconselho vivamente.

Women should be better friends with each other, show more solidarity. We are the majority, we’ve got strength on our side. If we join hands, we can transform the world. 

Goodreads Review

Anúncios

8 thoughts on “Histórias de Poligamia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s